Facebook admite que diminui alcance de posts para vender Ads

Cada vez mais profissionais da área de mídias sociais têm reclamado a respeito de supostos bugs do Facebook que fazem o alcance dos posts caírem sem motivo aparente. Mesmo páginas com fãs na casa das centenas de milhares amargam alcance médio de 100 a 500 pessoas. Dá até um desânimo, né?

Facebook diminui alcance dos posts orgânicosNão chora não, social media… :´(

Mas finalmente tudo ficou às claras. O Facebook publicou um documento como parte de sua frente Facebook For Business que relata justamente este ponto: “Espera-se que o alcance orgânico de uma publicação tenda a cair gradualmente enquanto trabalhamos cada vez mais para melhorar a experiência do usuário no nosso site”. E o documento vai além: “Marqueteiros devem considerar a distribuição paga de posts para maximizar o potencial de sua mensagem no feed de notícias”.

Trata-se de algo que quem trabalha com mídias sociais já havia sentido, mas ainda não estava oficializado. De uns anos para cá, foi ficando cada vez mais evidente que, para se ter relevância no Facebook, uma campanha de Facebook Ads é obrigatória. Isso pode ter até sido opcional há alguns anos, mas agora definitivamente não é mais.

Cabe a quem vende pacotes de mídias sociais se atualizar a respeito desta nova realidade, que na verdade já não é tão nova. Não dá para depender de crescimento orgânico no Facebook. Assim, valoriza-se o conteúdo produzido e a marca consegue se comunicar com o seu público de verdade.

Então, fica oficializado: ou você se rende aos Facebook Ads… ou tenta apostar no Google Plus! :P

2 Comentários

  1. Ótima matéria!
    É de suma importância que todos fiquem atualizados com as novidades do “mundo digital”, já que é um meio que sofre constantes mudanças, e quem trabalha e aposta no mesmo, tem de saber o melhor a se fazer. Trabalho em uma agência de marketing digital, e gostaria de deixar aqui o site da mesma, para que possam dar uma olhadinha e conferir nossas matérias e dicas especialmente para você: http://www.geracaointerativa.com.br/
    Obrigado pela atenção,
    Juan



  2. Menos reclamações e mais estratégias para contornar a situação. Nesse artigo tem uma maneira para facilitar a entrega de conteúdo para os fãs: http://bitly.com/18D4EWX

    Parabéns pela matéria. O trabalho com Google+ deve ser feito em paralelo com o Facebook Marketing. Para o trabalho que vem sendo feito não é aconselhável. O que falta é informar os fãs sobre essas políticas.

    Um Abraço!

    Kellvyn Atary
    @KellvynAtary
    Gerente de Marketing na Clever
    http://www.cleverit.com.br



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


Voltar

Recent Activity