Automobilismo virtual – Parte 1: o passado

Fala, galera!

Estou preparando uma série de posts que falarão sobre o passado, presente e futuro do automobilismo virtual – e com direito a algumas curiosidades, é claro. Para começar, vamos relembrar o passado e ver como começou essa verdadeira febre!

A paixão do brasileiro por velocidade, carros e automobilismo em geral se deve à grande exposição dada ao assunto pela TV aberta e pelo grande sucesso de pilotos brasileiros na principal categoria do automobilismo mundial, a F1 (Formula One). Com certeza, todos lembram ou já ouviram falar de grandes nomes como José Carlos Pace, Emerson Fittipaldi, Nelson Piquet e Ayrton Senna, disparado o brasileiro mais relembrado nas épocas atuais.

Essa paixão, claro, não é exclusividade de nós brasileiros. Com a popularidade cada vez maior desse esporte em todo o mundo e a evolução dos videogames, seria apenas uma questão de tempo até saírem os primeiros jogos mais sofisticados.

Que tal relembrar como eram os jogos de corrida 30 anos atrás?

Night Driver (1976)

Pole Position (1982)

Enduro (1983)

Top Gear (1992)

Porém, com o passar dos anos, a demanda por jogos mais realistas (em questões de física, desgaste, etc) foi aumentando e as produtoras começaram a lançar jogos um pouco mais elaborados, entre eles a série Grand Prix. Neste jogo podemos ver muito bem a evolução da sensação de velocidade, além de cada vez mais detalhes nos carros e pistas. Vejam só:

Grand Prix 1 (1992)

Foi um dos primeiros a permitir mudanças de setup. Dava para alterar asas, câmbio e tipo de composto de pneu.

 

Grand Prix 2 (1995)

Esse jogo foi o primeiro em que tive notícia de ligas organizadas pela internet. Você enviava seu replay para a liga, eles analisavam para ver se não tinha nenhum tipo de hack (trapaça) e faziam uma lista com os melhores tempos, seguindo o calendário oficial da F1. Para guiar, utilizava-se o teclado. Já nessa época era possível fazer um número ainda maior de ajustes no carro, a fim de melhorar sua performance.

 

Grand Prix 3 (2000)

Lançou no mesmo ano em que comprei meu primeiro computador. Obviamente foi o primeiro jogo de corrida que instalei, e passei muitas e muitas horas correndo nele. E claro, já participava de ligas online para comparar meus tempos com os dos outros jogadores.

 

Grand Prix 4 (2002)

Aqui já temos um salto e tanto na parte gráfica, além de um sistema de colisões muito interessante feito pela produtora MicroProse. Porém, ainda não era possível fazer corridas pela internet, por causa de algumas licenças. Mas dava pra fazer corridas no modo LAN. Até hoje me pergunto se os vizinhos mais desavisados tinham alguma ideia do que era aquele cabo azul passando de um prédio ao outro. Eram horas e horas a fio correndo contra meu vizinho… hehehe. :D

 

Apesar de as minhas disputas com meu vizinho serem muito legais, ainda restava realizar um grande sonho: correr online com pessoas de vários locais do mundo. Mas essa parte da história vai ficar para o próximo post. Até lá! :)

9 Comentários

  1. Muito bom Slow!
    Eu sou velho e joguei muito enduro (:



  2. Cadê o Carmageddon? hahaha eu adorava esse jogo!



    • Renato Galvão

      Pra falar de Carmageddon fatalmente eu teria que falar de GTA, só que aí teria que ser posts dedicados somente pra ele.

      Mas Carmageddon era muito foda também!

      =]



  3. Top Gear é um Classico tive o prazer de pegar a Mala com dinheiro !!!



    • Renato Galvão

      Uma das melhores coisas do Top Gear eram as frasesinhas que iam aparecendo toda vez que vc usava o turbo… ahuahuahuahau

      Sensacional!



  4. No meu tempo já existia SNES, no entanto ainda tinha o Atari, e joguei muito o Pole Position e Enduro.

    Top Gear = clássicos dos clássicos. Outro grande de corridas foi o F-Zero.
    Mas, ambos, grandes jogos dos SNES. :)



    • Renato Galvão

      Pode crer Francisco!

      Passei muitas e muitas horas jogando F-Zero, era bom demais!
      O mais legal nele era a física, vc tinha que realmente respeitar as freadas e a aceleração da nave, senão se esborrachava na certa.

      Bons tempos aqueles!



  5. Luanna Palmeira

    Nossa, recordar é viver! Bons tempos em que jogava Top Gear =)



  6. Joguei bastante todos esses também, nostalgia total ver os vídeos em sequência :)

    Mas senti falta dos da Papyrus, que revolucionaram com um multiplayer decente desde cedo com o GPL: Indy 500, Indycar, Indycar 2, GPL (Grand Prix Legends) e a série Nascar (1, 2, 3, 4, 2002 e 2003).



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


Voltar

Recent Activity